Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.

É possível ser um apostador profissional?

É possível ser um apostador profissional?

Muitas pessoas,assim que entram no no mundo das apostas desportivas sonham em um dia ser iguais a profissionais reconhecidos, como Paulo Rebelo, o trader mais famoso do mundo, ou Billy Walters, o punter mais conhecido do planeta.

Sonhar não custa nada, mas será possível chegar no nível destes profissionais e tornar-se num profissional respeitado neste meio?

por Josué Ramos   |   comentários 0

Muitos podem pensar que a resposta deveria ser negativa, mas não é. O mundo das apostas desportivas é tão gigantesco que inclui profissões inimagináveis e é um universo tão amplo que te dá mesmo a possibilidade de escolher o tipo de profissão que queres seguir.


Para começar, existem mitos que precisam ser derrubados.

Inicialmente, muitos novatos ou mesmo pessoas mais velhas no meio, mas que nunca tiveram ganhos significativos, dizem que não se pode ter lucro nas apostas e que a casa ganha sempre. Existe alguma verdade nisso, de facto a casa de apostas ganha sempre, mas isso não quer dizer que não possa ser lucrativo para o apostador, muito pelo contrário, pois se entenderes a matemática por detrás de uma casa de apostas para obter lucro em comissões, ou o Juice, como é conhecido, vais perceber que se pode extrair valor das cotas. Pois tudo neste universo pode ser representado por uma equação matemática, nas apostas não seria diferente.

Logo, sabemos que as probabilidades matemáticas dadas para um evento quase sempre estão desfasadas e que se te conseguires antecipar aos demais irás encontrar cotas de valor, que a longo prazo te darão um ótimo lucro.

big-hummer-vs-smart

É assim que pensam os investidores deste meio, pois existem muitos bilionários que, ao invés de investir o seu dinheiro em bolsas financeiras, bancos, etc., investem em apostas. Já ouviram falar de grupos de investidores que investem bilhões neste mercado?

Praticamente são eles que movem as linhas de apostas. Estes investidores variam de tamanho e poder aquisitivo, mas há também os bigguys, que são grandes investidores com grandes bancas, mas que estão atrás em poder aquisitivo, pois nunca conseguiriam competir com estes grupos de grandes investidores. E onde é que estes investidores apostam, já que provavelmente já passaste pela experiência de ter sido limitado em alguma casa de apostas?

Pois é, existem as casas de apostas asiáticas, aquelas que a maioria não conhece e nas quais mesmo querendo muito, não se pode entrar. É necessário acesso a um capital muito grande para se ser aceite ou ser indicado por alguém de dentro. Mesmo assim, é necessário manter uma rotatividade alta de dinheiro para se manter dentro destes mercados, já que na prática se paga para apostar nestas casas. Mas lá os limites são altos, é outro nível, mas só trabalham com mercados profissionais, como no futebol, em handicaps asiáticos e Mais de e Menos de.


Agora a questão é: o que é que isto tem a ver com ser profissional nas apostas? 

A resposta é ampla. O primeiro fator é que as apostas desportivas são tão lucrativas que os bilionários investem os seus fundos nisso. O segundo é que para te podes tornar num apostador profissional sem sequer apostar o teu dinheiro, já que estes investidores procuram constantemente profissionais que tenham a capacidade de trabalhar para eles e investir bem o seu dinheiro. Mas esse é o topo da carreira de um tipster, neste caso serás um broker, considerado por muitos como o topo da carreira de um apostador, pois muitos argumentam que quando apostas com o capital dos outros no fim tens sempre lucro, ou pelo menos não tens prejuízo. Mas ainda há um degrau mais elevado, que é o de grande investidor.

Para chegar a um nível destes talvez o trabalho seja duro demais, mas muitos chegaram e conseguiram realizar o sonho de se tornarem profissionais deste meio. Se todos desistissem nas primeiras quedas, talvez hoje não soubéssemos quem é o Paulo Rebelo ou quem é o Billy Walters, pois na vida não nascemos vencedores, trabalhamos duro, caímos, não desistimos, trabalhamos ainda mais duro e se formos fortes o suficiente para entender que não se trata de vencer mas sim de nunca desistir, então talvez um dia consigamos chegar lá, onde até hoje poucos chegaram e apenas alguns chegarão. Talvez um dia faças parte desses poucos e esses poucos se tornem muitos, pois é um mercado em expansão e nada é definitivo. É tudo uma questão de acreditar, trabalhar duro e dar o máximo.


Então, a resposta para questão inicial é, sim. 

Neste mercado podes ser trader, punter, handicapper, tipster, scout, broker, géneros diferentes de apostadores, alguns talvez mais informativos, como um scout, mas que não deixa de ser um profissional do meio que tem um grande espaço neste mercado e que é constantemente requisitado. Cabe-te a ti decidir que caminho seguir. Se buscas a glória ou apenas o lucro, não queres a solidão ou buscas o anonimato. São tantas facetas diferentes dentro de um só mercado.

Hoje, só no Brasil, conheço já vários profissionais neste mercado, que vivem e respiram somente dele. Alguns são traders, outros poucos apostadores, alguns tipsters e um ou outro handicapper. Pequenas diferenças entre afazeres que no final se mostram gigantes. Mas todos são, isso sim, profissionais, com ótimos lucros e respeitados já por todo a comunidade de apostadores, que nos últimos anos tem crescido muito no Brasil e que tende a crescer cada vez mais.

Logo, como diria o mestre e grande amigo,  Danilo Pereira, “profissional é aquele que profissionaliza seus atos, independente de quanto ganha ou com quanto aposta”, mas aqui estamos querendo saber se é possível ser um apostador profissional e viver disso, pelo que a resposta é positiva, pois é possível viver disso e tornar-se um profissional requisitado do meio. E tudo o que precisas cabe numa equação matemática, já que apostas são números e probabilidades e tudo isso pode ser mensurado. Cabe-te procurar um valor especificado nesses números, em vez de tentar prever um acontecimento. Somos investidores e não videntes, não te esqueças disso.


Um grande abraço e bons lucros a todos.
 

 

Partilhar "É possível ser um apostador profissional?" via: